OSÓRIO – A Brigada Militar (BM) prendeu na madrugada desta quarta-feira (8) quatros homens envolvidos no roubo de cabos de energia elétrica no Litoral Norte. As prisões ocorreram na ERS-786, próximo à divisa da Praia de Atlântida Sul com o município de Imbé. Segundo os policiais, as ações dos criminosos na região já vinham sendo monitoradas pelo grupo de inteligência do Comando Regional de Policiamento Ostensivo (CRPO) do Litoral.

Os presos estavam em um veículo Gol com placas de São Leopoldo, na região Metropolitana do Estado. No automóvel foram apreendidos equipamentos para escalada, que eram utilizados durante os roubos. Os quatro possuem antecedentes por crimes como furto, extorsão, lesão corporal, entre outros. Todos foram conduzidos a Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) de Tramandaí, onde foi registrada a ocorrência.

CRIMINOSO FORAGIDO

Também na madrugada desta quarta, Policiais Militares (PMs) localizaram uma casa no Balneário Imara, em Imbé, onde eram guardados os fios roubados. No local foram apreendidos aproximadamente 200 quilos de cabos de cobre.

Um homem que estava na casa conseguiu fugir. Porém, os PMs conseguiram apreender o celular do indivíduo e identificá-lo. Viaturas da BM estão realizando buscas na região na tentativa de encontra o suspeito.

OUTRA APREENSÃO

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Repressão aos Crimes Contra o Patrimônio das Concessionárias e os Serviços Delegados (DRCP), do Departamento Estadual de Investigações Criminais (DEIC), apreendeu nesta teça-feira (7) 520 quilos de cabos telefônicos localizados em um depósito de reciclagem na cidade de Imbé.

No local encontrava-se uma pessoa que se apresentou como responsável. Diante dos fatos o material foi apreendido e o homem foi conduzido a Delegacia de Polícia, onde foi autuado pelo crime de receptação qualificada.

VALE RESSALTAR

O furto de cabos de energia elétrica é bastante comum na região e vem ocorrendo com certa frequência. A polícia acredita que crimes como esses têm aumentado devido à valorização do preço do quilo do cobre. Segundo a BM, os criminosos roubam os fios de energia, tiram a camada de proteção e separam a parte do cobre para venderem em locais que juntam materiais recicláveis.

Hoje em dia, o valor do quilo do cobre pode chegar a 10, 15 reais, dependendo do local, sendo muito valioso do que o preço de outros materiais como papelão, plástico e até mesmo o metal encontrado principalmente nas latas de refrigerante e cerveja.

A CRPO Litoral, assim como o DEIC, segue trabalhando para combater o furto de fios de energia elétrica na região, crime que atinge diversos moradores que acabam ficando sem luz. Novas ações policiais não estão descartadas para os próximos dias.

Foto: BM