Seis novos fuzis chegaram, nessa terça-feira, ao Litoral Norte para serem utilizados nas ações de policiamento na região. Três armas serão empregadas na área do 8º Batalhão, com sede em Osório, e outra três nos municípios atendidos pelo 2º Batalhão de Polciamento em Áreas Turísticas (BPAT), com sede em Capão da Canoa. Em todo o Estado a Brigada Militar conta com 47 novos fuzis IA2 calibre 5,56mm, em um investimento de R$ 329 mil, com recursos do Ministério da Justiça.

O Comandante Regional de Policiamento Ostensivo, coronel Rogério Maciel, disse ao Litoral na Rede que, com os novos fuzis, será possível ter todas as equipes que trabalham durante a madrugada equipadas com o armamento pesado para enfrentar quadrilhas, como as especializadas em ataques a bancos. “Agora estamos de igual para igual com estes marginais”, disse o oficial da Brigada Militar. O coronel explicou ainda que todas as guarnições dos Pelotões de Operações Especiais (POE) dos dois batalhões da região trabalharão sempre armadas com fuzis, mesmo durante o dia. A quantidade total de armas de grosso calibre usadas no Litoral Norte não é divulgada por questões estratégicas.