OSÓRIO – O major Aurélio da Rosa, depois de cinco anos no comando da Escola de Formação e Especialização de Soldados (Esfes), passou o cargo ao capitão Daniel Marobin, na manhã dessa terça-feira (9), em solenidade restrita, devido às determinações de prevenção ao Coronavírus.O capitão Marobin era o subcomandante da Esfes da cidade, desde setembro de 2017, e agora passa a comandar a unidade de ensino da Brigada Militar. O major Aurélio vai assumir o comando do 2º Batalhão de Policiamento de Áreas Turísticas (BPAT), em Capão da Canoa.

O major Aurélio da Rosa externou sentimento de realização profissional, salientando que a aspiração de todo oficial é comandar um batalhão operacional. “Nos cinco anos em que estive à frente desta Escola tive muitas e significativas alegrias. Sigo para novas realizações e, principalmente, novos desafios, com a tranquilidade de que a equipe que permanece na Esfes dará prosseguimento aos trabalhos até aqui realizados para reestruturação, manutenção e crescimento da Escola”, afirmou o agora comandante do 2o BPAT.

O ato de passagem de comando, no salão de eventos da Esfes, contou com a presença do diretor do Departamento de Ensino (DE) da Brigada Militar (BM), o tenente-coronel Marcus Vinicius Gonçalves Oliveira; o comandante do Comando Regional de Policiamento Ostensivo (CRPO) Litoral, o coronel Marcel Vieira Nery; o subdiretor do DE, tenente-coronel Carlos Augusto Gomes Rodrigues; o efetivo da Escola e alunos do Curso de Formação de Soldados.

Foto: BM