terça-feira, abril 20, 2021

.

BOCA DO BALÃO

0

SECRETARIA de Obras de Osório está adquirindo massa asfáltica para pavimentar nova ruas e realizar reparos em várias outras na cidade. Esperase que não seja esquecida a rua Marechal Deodoro e a rua 15 de Novembro no cronograma, pois há meses
buracos foram abertos e seguem da mesma forma. Boa parte destes abertos para consertos realizados pela Corsan.


DECISÕES do STF parecem testar a população
para suas arbitrariedades. Soltam traficantes, ladrões, desmerecem o trabalho de magistrados, solapam a Constituição e ainda concedem a govenadores e prefeitos a criarem seus feudos ditatoriais desviando recursos públicos que seriam para o combate à
pandemia. Agora buscam subjugar o Senado Federal transformando em um grande canil de 81 senadores amestrados por 11 semideuses. O movimento popular está crescendo e a mídia do centro do país faz pouco caso dando importância à batida de meia dúzia de
panelas do que a milhares nas ruas se manifestando contra o STF. A pressão está aumentando e a população está a se organizar para pressionar o Congresso, Governo Federal e Militares para dar um basta. No entanto poderá ser convocada a milícia do tráfico que está liberada nos morros cariocas para fazer o que bem entender por decisão do ministro Fachin de impedir a polícia de agir.


ONTEM à tarde os 11 iluminattis do STF julgaram a decisão do ativista da toga Fachin que torna um grande ladrão da pátria em santo. Com a proibição de cultos e outras celebrações religiosas certamente estes ministros imperadores deverão canonizar Lula
e Fachin e Gilmar Mendes transformá-lo na encarnação do Messias. A hipocrisia no Supremo chegou ao extremo de anular um presidente e seu governo e transformar 84 senadores em um rebanho de ovelhas tosquiadas e cauda aparada. Os glutões que presidiam as duas casas legislativas passaram incólumes diante de seus crimes perante o STF, tornando-os intocáveis da capa preta

BOCA DO BALÃO

0

PRESIDENTE da CASISM – Câmara de Comércio, Indústria e Serviços de Santa Maria, Luis Fernando Pacheco, em entrevista a rádio local disse que associados não mais respeitarão as restrições impostas, bem como irão acionar a prefeitura para não pagar Alvará durante o período de fechamento dos comércios não essenciais, assim como uma moratória fiscal impetrando mandato de segurança para suspensão por 90 dias e a não cobrança de juros e multa por atraso de pagamento. Também não poupou críticas ao governador por este não saber o que é serviço essencial e desconhecer a realidade das famílias. O setor de serviços e comércio não mais suporta tantos fechamentos e insegurança de seus negócios e por fim, quem pagará esta conta se as empresas falirem?


BANCADA do PDT lançou nota de repúdio pela publicação de Editorial do Jornal Momento em 26/02/2021. Interessante que nenhum destes em 34 anos de jornal nunca foram assinantes mas se arvoram a sabedores do conteúdo. Desconhecem até mesmo a inexistência de contratos com poder público. São plenamente informados que esquecem que há pouco mais de 6 meses a bancada majoritária que agora perdeu espaço nesta legislatura desconhecia que o partido promoveu o maior escândalo com recursos da Saúde e pior, em plena pandemia que defendem o fique em casa. Se houver contrato com o serviço público certamente não será como os que forma celebrados pelo partido destes defensores dos “professores”. Deveriam se envergonhar do que o partido a que pertencem fez com a comunidade osoriense durante a pandemia com aqueles que tinham contrato firmados. A estes a população já deu a resposta que ainda não foi digerida por estes novos-velhos vereadores.

BOCA DO BALÃO

0

POPULAÇÃO brasileira acordou para os desmandos do ministro Alexandre de Moraes e principalmente do ativismo político do ministro Fachin desmoralizando o Judiciário Brasileiro revogando processo de Lula depois de confirmadas sentenças em três instâncias. O STF está a implementar o comunismo demonstrando visivelmente apoio a partidos de esquerda e serviente ao maior corrupto e ladrão do país condenado e anarquista que é Lula. Levandowski já havia dado sinal de sua tendência quando solapou a Constituição na condenação do impeachment de Dilma. Agora manifestações espalham-se país afora, de maneira ordeira como foi no domingo em várias capitis e cidades do país.

PACTO dos governadores, capitaneado por João Dória, para quebrar com o país é o resultado da ação nefasta do STF aos dar a governadores e prefeitos autonomia para o combate a pandemia. A proposta de achatamento da curva proposta por Mandetta para que o SUS se equipasse e preparasse para atender a demanda de casos de internação e tratamento serviu para que os estados fossem irrigados com bilhões de reais que forma desviados para campanhas políticas de prefeitos e também para fazer caixa visando as eleições de 2022. Dória e Witzel possibilitaram a disseminação em massa da pandemia coma realização do carnaval, mesmo diante das evidências reais do que estava acontecendo na Itália.  Este é o governador que diz salvar vidas e está levando governadores petistas e de seu próprio partido a encarcerarem a população e condenar a todos a fome, miséria, mau atendimento na saúde e principalmente restringirem as liberdades da população, sem qualquer evidência científica de resultados.

ANO passado, quando a pandemia havia queda nas contaminações govenadores se recusaram à volta às aulas. O RS podia estar mais avançado no ensino à distância na rede pública se houvesse interesse em investir na educação. Hoje temos professores despreparados e alunos com deficiência de aprendizagem. Estas crianças serão os futuros médicos, dentistas, engenheiros e certamente não terão uma qualificação sem que estes busquem pelo melhor foram do país. Serão poucos, diante da deficiência que já existe em algumas áreas profissionais no Brasil. Pior que o presente será o futuro que está sendo destruído e que certamente nem mesmo para pagar os futuros aposentados os novos trabalhadores nem terão esta perspectiva.

BOCA DO BALÃO

0

GOVERNADORES e prefeitos querem assumir o poder de Iemanjá das ondas do mar e estes das ondas da Covid 19. Já deram início a onda de fechamento de empresas, a onda de empobrecimento da população e, para gastar R$ 2 bilhões do fundo eleitoral criaram a nova onda da pandemia. A cada ampliação das restrições de um dia para o outro provocam a correria aos supermercados, farmácias e postos de gasolina com enormes filas como as vistas na última sexta-feira. A ideia é conter a população e não conscientizar sobre a contaminação e ainda demonizar protocolos preventivos para saldar o glorioso gerador de mortes Agripino Dória. Tudo começou por São Paulo que é a recordista em restrições, mortes e em número de casos. Governador Eduardo Leite está levando os gaúchos para o mesmo destino dos paulistas.

HOSPITAL São Vicente de Paulo, em Osório, além dos 20 leitos contratados já possui mais de 15 leitos extras ocupados, além de toda a ala SUS do Hospital. Na sexta-feira várias ambulâncias chegavam a todo momento com pacientes em estado grave contaminados pelo coronavírus. A prevenção é simples, higienização das mãos sempre que chegar a algum local e ao sair com álcool ou água com sabão; uso da máscara corretamente e manter distanciamento das pessoas em qualquer ambiente. Aglomerações nem pensar, pois nunca se sabe se no local há alguém infectado e possa estar contaminando o local. Isto serve inclusive dentro de casa.

BOCA DO BALÃO

0

VACINAÇÃO de idosos acima de 85 anos não avança e tudo indica que a nova faixa entre 80 e 84 anos deverá ocorrer o mesmo. A justificativa de muitos está que não querem receber a vacina, assim como é com a vacina da gripe. Outros legam o fato de não querer uma ou outra marca de vacina. Mesmo cadastrados para a vacinação não comparecem ao chamamento. Depois da campanha nesta quarta e quinta-feira, no sábado haverá mais um drive-thru junto ao Posto Central. É mesmo momento o quanto a Secretaria da Saúde era desorganizada, pois havendo o cadastro do cartão SUS já saberia o número de idosos na cidade, endereço e dados principais para mobilização de equipes volantes de vacinação. Quem sabe um cadastro bem organizado seja iniciado, pois novas campanhas de vacinação vão ocorrer e precisam ser organizadas e saber o público a ser atingido.

VEÍCULOS estão tendo objetos roubados de seu interior em horário de almoço próximo a restaurantes. Jornal Momento tem imagens de um veículo prata marca Chevrolet de onde dois elementos usavam o bloqueador de acionamento de alarme dos veículos a estacionar e depois faziam a vistoria interna sem qualquer dificuldade em busca de objetos de valor. De uma bolsa de uma motorista foram furtados dois mil reais que havia sacado de seu salário. Os elementos são os mesmos que cometem este tipo de furto nas imediações do Supermercado Nacional.

BOCA DO BALÃO

0

SECRETARIA de Obras está trabalhando em ritmo acelerado para colocar muitas ruas e praças em dia com a conservação e limpeza. No sábado equipes estavam trabalhando na rua Reduzino Pacheco que estava abandona há mais de ano pela administração anterior. Haviam vários buracos no asfalto junto ao meio fio que tornavam perigoso estacionar na via. Um dos trechos precários eram justamente defronte a lares de idosos e mesmo com vários alertas feito por esta coluna foram ignorados pela administração. Agora tem secretário de Obras na prefeitura.

SECRETÁRIO da Saúde Danjo deve realizar um levantamento sobre o funcionamento da UPA. Qualquer situação que lá chega a espera é de no mínimo 3 horas para ser atendido, até por que existe somente um profissional médico para dar o atendimento à população. Sorte maior será de o paciente não necessitar de serviço de radiologia, pois na caixa o aparelho de Raio X não funciona, apenas gera prejuízo com a depreciação do equipamento. Enquanto isto, a fatura dos serviços segue sendo apresentada de acordo com o contrato que é de cerca de R$ 600 mil.

TRIBUNAL de Contas da União deveria pressionar os estados com maior número de mortes por Covid para saber onde e como foram aplicados os recursos federais liberados para o combate a pandemia. Enquanto o STF brinca de justiceiros o TCU agora quer brincar de fiscalizador dos recursos públicos. Todos estes idiotizados por Dória, mas principalmente com suas ligações espúrias com o PSDB que não fiscaliza e não pune pelos crimes cometidos contra o erário. Onde estava estes guardiães da Justiça e das contas públicas no governo petista e do PSDB em São Paulo?

BOCA DO BALÃO

0

AUMENTO de tráfego no cruzamento das ruas Santo Dumont com a Av. Ildefonso Simões Lopes (Av. do DAER) está exigindo maior cuidado de motoristas e motociclistas. Departamento de Trânsito poderia estudar a colocação de redutor de velocidade ou alerta de cruzamento para maior segurança. Acidentes já aumentam no local e felizmente reduziram no cruzamento da rua Santos Dumont com a Av. Marcílio Dias.

USO de celular ao volante está cada dia mais presente na cidade. Por vezes a coluna tem visto caminhões onde o motorista digita ao celular utilizando rede social. Mas outra situação perigosa e que dizem ter sido uma das causas da tragédia de atropelamento seguida de óbito do jovem de 20 anos na cidade refere-se ao uso de fones de ouvido. Este pequeno artefato sonoro (seja com fio ou bluetooth) ao volante, pilotando moto ou bicicleta impede que o som emitido por veículos seja ouvido, até mesmo buzinas. Até mesmo uma simples caminhada ou corrida com os fones pode impedir a reação do pedestre diante de uma situação de risco. Fica o alerta.

VACINAS expuseram um lado torpe de muitas pessoas. Depois de tanto tempo de cuidados e restrições, bem como de desinformações pela imprensa alarmista e seus “profissionais de imprensa” agora há a semeadura da discórdia entre a população. Se o Ministério da Saúde está providenciando a aquisição e distribuição e aplicação gratuita de vacinas, por que não aguardar pelo momento de vacinação de acordo com o cronograma? Há gente querendo e alguns conseguindo “furar a fila”, outros querem os holofotes (principalmente governadores) e outros que atrapalham o Ministério da Saúde a exemplo de STF, partidos nanicos em busca de um lugar ao sol e que espera-se que o povo os leve para o buraco em 2022.

BOCA DO BALÃO

0

EX-SECRETÁRIO da Saúde e ex-vereador Emerson Magni retornou ao cargo de funcionário público municipal, no setor de veículos da prefeitura. O retorno evitou que fosse considerado abandono do cargo e assim exonerado. Agora a administração busca realocar para outra função que seja menos exposta aos demais evitando o constrangimento pelos fatos que o levaram a ser processado e investigado pelo Ministério Público como é do conhecimento da comunidade.

ALGUNS moradores do bairro Albatroz não cooperam com os demais moradores do bairro e persistem na colocação de lixo, entulho e móveis inservíveis a margem da rua Almirante Tamandaré. Há tempo que este tipo de ação ocorre e a prefeitura sempre tem feito a limpeza do local, deixando de fazer melhorias na cidade. Talvez seja o momento de haver fiscalização eletrônica para identificar estas pessoas que sujam a cidade e propiciam a proliferação de insetos e roedores.

ÁGUA encanada no morro da Borússia é tema polêmico sempre. Mesmo com pequenos grupos familiares associados que gerenciam a manutenção e fornecimento com cobrança de conta de água sempre há os oportunistas. Alguns querem ser mais privilegiados que outros e assim usam a água dos reservatórios para encher piscinas reduzindo a vazão e pressão, quando também até rompem a tubulação para impedir a distribuição de água aos demais. Há casos em que as mangueiras de fornecimento são cortadas, motores são depredados ou colocados registros de fechamento indevidamente. Está na hora de vereadores criarem regulamentação e multas em caso de descumprimento. As despesas de manutenção dos vários sistemas de poços artesianos e distribuição é feito pelas associações e pela prefeitura.

BOCA DO BALÃO

0

BRASILEIRO é diferente em tudo, na pandemia então revelou-se uma face espúria por parte dos políticos e até mesmo do Judiciário. Os políticos seguem a sanha de privilégios que para campanha política não abrem mão de recursos do Fundo Eleitoral e nem a necessidade de distanciamento social e máscaras como apregoaram até começar o período eleitoral. Já no Judiciário o STF mereceu a medalha de pandemônio. Começaram tirando a ação do Ministério da Saúde para coordenar ações contra a disseminação delegando a governadores e prefeitos que somente queriam recursos públicos para desviarem e confinar a população. Depois, para fechar com chave de ouro, pediu 7 mil doses de vacinas da Oxford para protegerem a si mesmo quando as mesmas nem mesmo haviam sido aprovadas pela Anvisa. Isto sem falar que obrigou o governo federal apresentar plano de vacinação e cronograma a pedido de um partido político nanico, sem ter as vacinas e o ministério ser, por décadas, o administrador das campanhas de vacinação em todo o país.

POLÊMICA surgida em Osório sobre vacinação de pessoa não prioritária nesta primeira leva de vacinas, está pipocando em todo o país casos semelhantes. Alguns casos, como em Manaus são vergonhosos chegando ao “salve-se quem puder”. No caso de Osório foi prontamente esclarecido pela Secretaria da Saúde de que se tratava de funcionário municipal que recebeu o excedente de doses, após aplicadas à linha de frente de atendimento da UPA. Vários funcionários da UPA haviam recebido a dose em outra instituição (alguns trabalham em dois hospitais ou Posto de Saúde e UPA, recebendo as doses por um destes. Desvio de doses ou vacinação de pessoa fora do grupo de risco, determinado a receber a vacina não receberá a 2ª dose até esclarecido a causa e além disso poderá incorrer em multa de até R$ 100 mil ao poder público que permitiu o ato.

SECRETARIA de Obras terá uma sobrecarga de trabalho para recuperar ruas esburacadas da cidade. Não se trata de um simples buraco pelo desgaste do asfalto ou de sua má qualidade, mas sim da infraestrutura de canalização de esgotos pluviais ou cloacais da cidade. Qualquer rua de maior movimento possui um buraco no asfalto com cone, pedaços de madeira e até uma cadeira para sinalizar o afundamento do local. Foram milhares de reais gastos nestas obras que forma reformadas outras tantas vezes e ainda apresentam problemas. É o tipo de conserto que consome recursos e que seria como “lavar porco”. Um desafio para o novo secretário de Obras e vice-prefeito Tressoldi.

BOCA DO BALÃO

0

PRESIDENTE Bolsonaro fez o mesmo com o Amazonas e todos os demais estados da União. Mesmo diante dos pitis de Agripino São Paulo recebeu bilhões e mesmo assim é o líder em casos de Covid e no número de óbitos no país, seguido do Rio de Janeiro e Amazonas. Nos dois últimos estados foram apurados casos de corrupção e desvio de parte destes recursos em compras superfaturadas. Em São Paulo houve cidade que também faltou oxigênio devido a não compra pelo estado, mesmo tendo toda a logística a seu favor. O Amazonas além de roubos e desvios de cargas de oxigênio já constatados pela Polícia Federal e Civil do estado há o problema de logística e a União mais uma vez se fez presente. Fica a pergunta quem seria o genocida da Covid que tem apoio da Vênus Platinada?

VACINAÇÃO começa esta semana e espera-se que as Universidades e faculdades de saúde, onde muitos ficaram em casa somente recebendo seus polpudos salários mexam-se para fazer uma pesquisa sobre a Hidroxicloroquina, Ivermectina e Azitromicina e seus efeitos sobre o coronavírus. Algo realmente técnico e científico e não no achismo como tem feito muitos médicos de gabinete. Milhões de reais são gastos anualmente com Universidades Federais e no ano passado o mesmo não ocorreu e a participação destes, pagos com dinheiro do povo serviram para ficarem de braços cruzados a espera de que alguém apresentasse uma vacina. Tal pesquisa foi realizada pela Universidade de Pernambuco quando da incidência de casos de Zyca e chicungunha, inclusive indicando hidroxicloroquina para gestantes. Agora somente resolveram demonizar e fazer testes esdrúxulos como foi em Manaus.