11924781_1035078353193217_3247382745986637532_n 11899840_1035078396526546_759905222651749420_n

O laboratório de entomologia da 18ª CRS confirmou na tarde de segunda-feira, 17, a identificação de foco de Aedes aegypti em residência do bairro Albatroz.A partir do reconhecimento, a equipe municipal de controle do Aedes aegypti iniciou hoje nova inspeção no entorno do foco, com raio de 300 metros (distância de vôo do vetor).Muitos imóveis visitados recentemente pela equipe receberão novamente a visita do agente de combate a endemias, para revisão e alerta da existência deste foco no bairro.Importante que os moradores conservem o asseio dos pátios e terrenos baldios, não permitindo o despejo de lixo, recolhendo vasilhames que tenham serventia, higienizando os potes para água dos cães, retirando o prato dos vasos de flor, regando bromélias com solução de hipoclorito, tampando as caixas d’água e movimentando a água das piscinas a cada três dias.A ocorrência do Aedes aegypti neste inverno se deu em todo estado do Rio Grande do Sul.No estado de São Paulo, onde ocorreu o maior número de óbitos, há registro de o dobro de casos de Dengue neste inverno.É urgente a colaboração de todos os moradores na eliminação de focos. O agente de combate a endemias deve ser acompanhado na visita, observando suas recomendações e orientações.O proprietário do imóvel positivo foi notificado pela Vigilância Sanitária e Ambiental.