Após retirada de corpo de praia, moradores abriram embalagem em lixeia (Foto: Polícia Civil/Divulgação)

Após retirada de corpo de praia, moradores abriram embalagem em lixeira (Foto: Polícia Civil/Divulgação)

O corpo de um bebê foi encontrado na manhã desta quinta-feira (13) na beira da praia em Capão da Canoa, no Litoral Norte do Rio Grande do Sul. Conforme o sargento da Brigada Militar Carlos Alberto Lamaison, moradores sentiram um cheiro forte vindo da orla e encontraram o corpo dentro de um saco plástico, enrolado em uma toalha, em estado avançado de decomposição.

Como havia muitos animais nas proximidades, a embalagem foi colocada em cima de uma lixeira para ser aberta. Ao verificar que se tratava de um corpo, a Polícia Civil foi acionada. As investigações agora procuram descobrir quem seria a mãe da criança. Conforme o inspetor Marcos Azevedo a polícia já solicitou ao hospital local a lista dos recém-nascidos e também a relação das mães que estavam recebendo acompanhamento de pré-natal em postos de saúde.

O corpo foi encaminhado para análise no Departamento Médico Legal (DML). A investigação tenta descobrir a causa e o dia da morte, além do sexo e a idade da criança. “Não temos certeza da idade aproximada. Provavelmente um recém-nascido. Só vamos ter certeza com resultado da perícia. Pedimos atenção especial para o caso para eles”, observa o inspetor.

A polícia pede também ajuda da população, que pode contatar a Delegacia de Capão da Canoa pelo WhatsApp pelo número (51) 9655-5104 e também pelo telefone (51) 3665-4397.