Foi inaugurada nesta sexta-feira (13) o Núcleo de Mediação de Conflitos da Delegacia de Polícia Civil de Imbé. O ato contou com a presença do chefe de Polícia em exercício do Governo do Estado, delegado Leonel Fagundes Carivali, do titular da DP de Imbé, delegado Antonio Carlos Ractz Junior, e do secretário municipal de Segurança Pública e Trânsito, Marco Antonio Silva.

O novo núcleo especializado em Justiça Restaurativa faz parte do Programa Mediar e dá continuidade ao projeto da corporação de expandir a prática em todo o Estado. Em vigor há 10 anos no Brasil, a Justiça Restaurativa consiste em resolver coletivamente e por meio do diálogo crimes ou ofensas com a participação do infrator e da vítima.  O principal objetivo é avançar nos ideais de mediação não punitiva, sendo contraponto à Justiça Retributiva. Tendência mundial, a técnica aposta no diálogo e no consenso para apaziguar conflitos, controvérsias e problemas entre os envolvidos.

Para o chefe de Polícia em exercício, delegado Leonel Fagundes Carivali, a Operação Verão para Todos do governo do Estado é o momento ideal para a instalação de um núcleo de mediação na região litorânea. “Os meses de janeiro e fevereiro, em que há o aumento da população flutuante e do efetivo, possibilitam a multiplicação da cultura de mediação entre os policiais das diversas regiões do estado que são remanejados para o Litoral”, explicou.