O Detran-RS informou, na manhã desta quinta-feira (9), que recomenda aos motoristas do Rio Grande do Sul que aguardem a mudança nos valores antes de fazer o pagamento do seguro Seguro de Danos Pessoais causados por Veículos Automotores de Via Terrestre (DPVAT).

O ministro Dias Toffoli, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), reconsiderou nesta quinta sua própria decisão e autorizou a resolução do Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP) que prevê a redução dos valores do seguro DPVAT em 2020.

De acordo com o Detran-RS, a expectativa é de que os novos valores estejam disponíveis, para pagamento nos bancos, a partir da próxima segunda-feira (13).

Ao G1, a Seguradora Líder, responsável pela administração do DPVAT, informou que na próxima quarta-feira (15), será divulgado o procedimento para a restituição da diferença aos proprietários de veículos que efetuaram o pagamento nos valores de 2019. Quem pagou valor a mais será ressarcido.

Para fazer o ressarcimento, o motorista precisa acessar o site da seguradora e seguir os passos. A restituição será direto na conta corrente informada.

Quanto aos novos valores, a seguradora comunicou que, nesta quinta, o site da empresa estará atualizado com os valores definidos para 2020.

O Seguro Obrigatório (DPVAT) é um dos itens que compõe o licenciamento de veículos, junto com IPVA, taxa de expedição do documento e multas vencidas (quando houver). Para realizar os pagamentos no estado, não há guia ou boleto, basta informar a placa e o Renavam do veículo na rede bancária conveniada.

De acordo com o Detran-RS, os interessados em antecipar o IPVA, em razão dos descontos oferecidos, podem efetuar normalmente o pagamento do imposto e da taxa do documento. A emissão do certificado de licenciamento (CRLV), no entanto, ficará pendente, aguardando a quitação do DPVAT.

O seguro DPVAT , instituído por lei desde 1974, cobre casos de morte, invalidez permanente ou despesas com assistências médica e suplementares causadas por lesões de menor gravidade em acidentes de trânsito em todo o país.

O recolhimento do seguro é anual e obrigatório para todos os proprietários de veículos.

Veja os valores:

  • Automóvel, táxi e carro de aluguel: R$ 5,23 – redução de 68%; era R$ 16,21 em 2019;
  • Ciclomotores: R$ 5,67 – redução de 71%; era R$ 19,65 em 2019;
  • Caminhões: R$ 5,78 – redução de 65,4%; era de R$ 16,77 em 2019;
  • Ônibus e micro-ônibus (sem frete): R$ 8,11 – redução de 67,3%; era de R$ 25,08 em 2019;
  • Ônibus e micro-ônibus (com frete): R$ 10,57 – redução de 72,1%; era de R$ 37,90 em 2019
  • Motos: R$ 12,30 – redução foi de 86%; era de R$ 84,58 em 2019.
Confira os prazos para pagamento do DPVAT  — Foto: Divulgação/Detran-RS

Confira os prazos para pagamento do DPVAT —

Fonte: G1

Foto: Divulgação/Detran-RS