upload-20160223154307campanha_doacaoA doação voluntária de sangue é uma das ações desenvolvidas pelo Banco do Brasil no Rio Grande do Sul em comemoração aos 100 anos de atividade da instituição bancária no estado. A ideia é sensibilizar cerca de 5 mil funcionários, espalhados em mais de 400 agências em todo o estado para a importância da doação de sangue e mobilizar grupos para doação. A solenidade de lançamento ocorreu nessa segunda-feira (22), às 15h30, no Hemocentro do Estado do Rio Grande do Sul, na Avenida Bento Gonçalves, 3722.

Funcionários e superintendentes do banco participaram da cerimônia e aproveitaram para doar sangue.
Além dos doadores presentes na data, o banco ainda vai levar doadores durante toda esta semana, aaté sexta-feira (26) e pretende manter a campanha de doação como uma ação de solidariedade durante todo o ano. A ação vai ajudar nessa época de grande necessidade de doadores, devido aos feriados. Durante o período, os estoques do Hemocentro tradicionalmente ficam baixos e a instituição já se encontrava em estado de alerta por este motivo.

A ação atinge os nove hemocentros, que formam a Hemorrede Pública do Estado: Hemocentro Regional de Alegrete (Hemoeste), Hemocentro Regional de Caxias do Sul (Hemocs), Hemocentro de Cruz Alta (Hemocruz), Hemocentro Regional de Palmeira das Missões (Hemopalm), Hemocentro Regional de Passo Fundo (Hemopasso), Hemocentro Regional de Pelotas (Hemopel), Hemocentro Regional de Santa Maria (Hemosm) e Hemocentro Regional de Santa Rosa (Hemosar).

A diretora da Hemorrede Pública do Estado, Denise Jornada Braga, da Fundação Estadual de Produção e Pesquisa em Saúde (FEPPS), agradeceu a iniciativa. “É muito positiva essa parceria com o Banco do Brasil, inclusive queremos que esse trabalho torne-se uma cooperação duradoura e que ao final do ano o Banco do Brasil seja um dos agraciados com o Selo Empresa Amiga da Hemorrede”, afirmou.

A presidente da FEPPS, Neusa Kempfer, ressaltou a importância deste tipo de campanha e do alinhamento das ações com a Secretaria da Saúde. Também destacou que os doadores fixos são os que mantém os estoques do Hemocentro em dia, por isso a importância de fidelizar doadores, com este tipo de campanha, para que eles doem sempre que possível. De acordo com o gerente de Desenvolvimento Regional Sustentável da Superintendência do Banco do Brasil no estado, Carlomagno Goebel, a ideia é estimular a doação de sangue dentro do programa de voluntariado, que já existe na instituição.

Texto: Ascom Fepps
Edição: Léa Aragón/Secom