Agentes da Penitenciária Modulada Estadual do município (PMEO) apreenderam durante essa semana 100 gramas de uma substância semelhante à cocaína. A droga teria sido encontrada dentro de um invólucro, junto ao aparelho celular, no local do armazenamento do lixo, trajeto entre o pórtico e a sala de revista do presídio.
As informações foram divulgadas pela Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe) do Estado, no início da tarde desta quinta-feira (27). Segundo a Susepe, na semana passada (19) uma mulher havia sido presa na tentativa de entregar materiais ilícitos a presos dentro da PMEO.
A mulher que fazia visita no presídio foi detida com três celulares. Os aparelhos seriam escondidos dentro do material destinado à oficina de artesanato realizada na penitenciária local. A mulher foi conduzida à Delegacia de Polícia do município, onde foi registrada a ocorrência. Os agentes penitenciários seguem realizando revistas no presídio para tentarem localizar novos materiais ilícitos dentro da penitenciária.


There is no ads to display, Please add some