10182454O número de policiais militares que estão trabalhando na Operação Golfinho da Brigada Militar reduz a partir desta segunda-feira (15). No policiamento ostensivo, a redução será de 30%. No dia 22, o número cai mais 20%. A Brigada Militar informa que a redução se deve à diminuição de veranistas e que nenhum evento ficará sem a atuação reforçada dos policiais militares.

Na área dos salva-vidas, a redução do efetivo é de 8%. Porém, de acordo com o chefe das Operações dos Salva-Vidas da BM, major Julimar Fortes, a redução será imperceptível aos olhos dos veranistas entre o litoral sul e norte, já que essa diminuição no número de profissionais trabalhando só ocorrerá nos dias úteis. Mesmo assim, uma ou até duas guaritas devem ser desativadas por praia durante este período.

Aos finais de semana, o efetivo será recomposto. Pelo menos até o dia 28 de fevereiro, quando acaba a Operação Golfinho. Já a atuação dos salva-vidas civis temporários permanece inalterada até o fim do mês.

A mudança maior se dará nas chamadas águas internas. Em dias de semana, o efetivo será desativado voltando a pleno aos finais de semana.

GAÚCHA