leiteA 16ª Vara Cível de Porto Alegre condenou a empresa VRS Indústria de Laticínios Ltda. a pagar indenização solidária por danos morais coletivos de R$ 3 milhões. A fabricante dos produtos lácteos da marca Latvida, de Estrela, foi alvo da primeira fase da operação Leite Compen$ado, em 2013.

A decisão também se estende ao sócio-proprietário Rui José Sulzbah, para indenizar os danos materiais causados aos consumidores individualmente. Além disso, a juíza Cristina Lohmann determinou que os réus publiquem a sentença em cinco jornais de grande circulação do Estado, às suas custas, no prazo de 15 dias, sob pena de multa diária de R$ 5 mil.

Fraude no RS: Ministério Público descobre no leite substância que causa câncer

A operação apontou que a empresa comercializava leite com formol e reaproveitava produtos vencidos. Também detectou a bactéria Bacillus Sporothermodurans em leite esterilizado, e constatou que houve exercícios de atividades durante a suspensão determinada pela Secretaria Estadual da Agricultura, Pecuária e Irrigação, além de outras infrações dos padrões de higiene. A ação policial foi deflagrada em 8 de maio de 2013, em Ibirubá, Selbach, Tapera e Guaporé.

Oito pessoas foram presas na fraude que apurou a presença de formol em lotes das marcas Italac, Líder, Mumu e Latvida.