Nesta segunda-feira (20), a Polícia Civil em ação conjunta com a Patrulha Ambiental (Patram) da Brigada Militar (BM) e da Vigilância Sanitária Estadual, realizou a interdição de uma fábrica na região. O local que está localizado na zona rural do município produz produtos de limpeza e higiene e estaria produzindo álcool gel falsificado.

De acordo com a Polícia Civil, a empresa não teria autorização para fabricar a mercadoria. Segundo o delegado de Osório, João Henrique Gomes, a investigação teve início no dia seis desse mês quando um funcionário da fábrica foi detido na BR-101 transportando uma carga do produto falsificado.

Conforme o delegado Gomes informou, os responsáveis pelo local, que já possuem antecedentes por envolvimento em falsificação de produtos para consumo humano, não foram encontrados durante a fiscalização. A Polícia Civil segue investigando o caso.

Foto: PC