upload-20170104153302descarte_capaoA Fundação Estadual de Proteção Ambiental (Fepam) e o Batalhão de Polícia Ambiental da Brigada Militar vistoriaram, em caráter de urgência, a Lagoa dos Quadros, em Capão da Canoa, nessa terça-feira (3). A ação conferiu o lançamento de resíduos sanitários patogênicos sem tratamento adequado na lagoa, próximo ao ponto de captação de água da Corsan.

Os técnicos estiveram em três locais onde, segunda a denúncia, estariam sendo lançados os resíduos. Durante a vistoria não foi encontrado nenhum caminhão fazendo o descarte irregular. No entanto, havia rastros de veículos pesados, resíduos próximos à margem e um forte odor. A Fepam vai continuar a fazer fiscalizações no local.

Caroline Moura, coordenadora do Balcão de Licenciamento Ambiental Unificado do Litoral Norte, explica que o transporte desse tipo de resíduo e os pontos de recebimento (estações de tratamento de esgoto) são licenciados pela Fepam, porém, algumas localidades não têm rede coletora de esgoto. Caroline acrescenta que a população contrata empresas sem licenciamento ambiental para limpeza de fossas, que acabam fazendo o serviço de forma inadequada e não se preocupam com o destino correto do material.

Texto: Catarina Gomes/Ascom Fepam
Edição: Denise Camargo/Secom