Órgãos de trânsito preparam, para este final de semana que inclui o feriado Farroupilha, mais uma Operação Viagem Segura. A reunião de planejamento aconteceu ontem (16) no Palácio da Polícia. A operação começa à zero hora da sexta-feira (18) até à meia noite de domingo (20). A 48ª Viagem Segura terá também uma grande operação educativa e de fiscalização em Porto Alegre no primeiro dia, envolvendo todos os órgãos de trânsito.
Em Porto Alegre, a EPTC realizará operações especiais no entorno do Acampamento Farroupilha, em especial no domingo. A PRF intensificará os testes de etilômetro nas rodovias federais, como parte de uma grande operação nacional de combate à alcoolemia. Além das atividades de fiscalização, o RS estará com uma intensa programação de ações educativas devido a Semana Nacional do Trânsito, que começa amanhã (18).
Nos últimos oito anos, a média de mortes nas estradas no feriado da Revolução Farroupilha foi de 6,4 por dia, menor que a média dos feriados (6,6) e que a média geral dos finais de semana, que é de 7,6 mortes por dia. Contabilizando o acompanhamento das vítimas até 30 dias após o acidente, os acidentes do feriado Farroupilha no ano passado deixaram 27 mortos. Em 2013, foram 28 vítimas fatais.
A análise dos acidentes dos feriados de Vinte de Setembro (2007-2014) aponta que 62% ocorreram em rodovias. As mortes concentraram-se nos dias intermediários e no turno da noite, de modo que se recomenda um cuidado redobrado nesses dias e horários. Os municípios que registraram maior número de vítimas fatais foram Porto Alegre (18), Caxias do Sul (09), Três Cachoeiras, Passo Fundo, Santa Maria, Farroupilha e Ijuí (05).
Sobre a Operação Viagem Segura
A Viagem Segura reúne Polícia Rodoviária Federal, Detran/RS, Polícia Civil, Brigada Militar e Comando Rodoviário da BM em operações de fiscalização nos feriadões e finais de semana em que é esperada uma maior movimentação nas vias públicas. Também atuam como parceiros órgãos de trânsito municipais (EPTC em Porto Alegre), Cetran/RS, Famurs, Daer, Dnit, EGR, ANTT e SindiCRD.
Nas 47 edições da operação foram fiscalizados mais de 3,9 milhões de veículos, registradas 600,8 mil infrações, recolhidos 58,6 mil veículos e 15,7 mil CNHs. Foram realizados, nessas operações, 104 mil testes de etilômetro e registradas 11,6 mil infrações por embriaguez.

(Detran RS)

 

prf-atuando