A Polícia Civil recebeu as imagens de um estabelecimento comercial de Terra de Areia, no Litoral Norte, que ajudarão a esclarecer a morte de Alexandre da Silva Machado, assassinado na frente das filhas, de seis e nove anos, durante tiroteio entre assaltantes e policiais militares, na última sexta-feira (21).

Segundo o delegado de Arroio do Sal e responsável pela investigação, Adriano Koehler Pinto, o vídeo mostra que a posição de um dos assaltantes é compatível com o disparo, o que descartaria a hipótese de que o tiro tenha sido feito pelos policiais.

“As imagens, o projetil e as armas dos PMs serão encaminhados para perícia ainda nesta semana”, diz.

Além disso, testemunhas devem ser ouvidas novamente até sexta-feira (28). A polícia ainda não tem suspeitos do crime, mas tudo indica que quatro pessoas participaram da ação e fugiram em um automóvel Corolla branco. No vídeo, três homens aparecem correndo e, na sequência, começa o confronto com a Brigada Militar.

A vítima estava numa Zafira, na Rua Treze de Abril, no Centro de Terra de Areia, e foi atingida quando os criminosos saiam de uma residência que haviam assaltado. O homem estava com as duas filhas no banco traseiro do veículo, e as crianças não ficaram feridas.

Quem tiver alguma informação sobre o crime pode entrar em contato pelo Disque-denúncia no telefone 181.

GAÚCHA