canoas-canoense-estado-pagamento-ipergs-600x330O Instituto de Previdência do Estado do Rio Grande do sul (Ipergs) fará um pente fino este ano em mais de 10 mil pensões pagas a filhas de servidores mortos mas que não estariam solteiras. No programa Faixa Especial, o presidente do Ipergs, José Parodi, ressaltou a parceria feita com a Polícia Civil.

“Estamos separando em lotes por faixa etária para, no decorrer de 2016 e em parceria com a polícia, fazermos um pente fino. São 10.098 casos, mais precisamente”, explica o presidente do Ipergs.

Cento e trinta e uma denúncias foram encaminhadas no ano passado e estão sendo averiguadas. Já ocorreram 43 cancelamentos de pensões irregulares em 2015 em uma economia calculada de R$ 2,5 milhões. Quatro já foram canceladas em 2016.

GAÚCHA