afogamento-m-20120130Um jovem de 21 anos morreu afogado e outro de 17 anos está desaparecido na praia de Atlântida Sul, no Litoral Norte do Estado. O caso aconteceu por volta das 18h desta terça-feira (12), quando quatro pessoas se envolveram em ocorrências de afogamento na altura da guarita 108.

Segundo o chefe de operações da Operação Golfinho, Major Julimar Fortes, um homem, identificado como Patrick Lucas Porto, de 21 anos, foi resgatado do mar já inconsciente, e morreu em atendimento no Hospital Santa Luzia, em Capão da Canoa. A vítima era de Pelotas. Outro jovem, de 17 anos, está desaparecido.

Mais duas mulheres, de 20 e 30 anos, naturais de Osório, que também estavam próximas à guarita 108, foram resgatadas pelos salva-vidas, e receberam atendimento médico. No momento dos salvamentos, o local estava sinalizado com bandeira preta devido a uma corrente de repuxo.

“Efetivamente, a corrente de retorno que estava sinalizada lá em Atlântida Sul, foi determinante para esse afogamento. Nessa corrente de retorno, as quatro pessoas estavam juntas e elas cairam nessa corrente de retorno, o que dificultou bastante o salvamento das pessoas e ocasionou também o desaparecimento de um menino nas águas”, explicou o Major Fortes.

Orientações

Ainda de acordo com o chefe da Operação Golfinho, as pessoas devem obedecer a sinalização dos salva-vidas na beira da praia. Em caso de bandeira preta, há risco de morte no local sinalizado e o banho é proibido. Caso haja uma situação de repuxo, a orientação é que o banhista não nade em direção à praia, mas sim tente sair do mar lateralmente.

“A corrente de retorno nada mais é que uma vala profunda, um canal, no qual a água que vai até a faixa de areia, retorna pra dentro do mar, formando uma vala que tenha uma corrente muito forte, um retorno muito forte. Naquele local, a velocidade é em torno de 3,5 metros por segundo, nem um nadador olímpico conseguiria sair das correntes de retorno. A indicação que se dá é que a pessoa nade lateralmente, olhando a quebra da onda para a onda impulsioná-lo até um banco de areia ou até um banco de areia”, alerta o Major.

 

Fonte: Rádio Gaúcha