A Marinha do Brasil participou no último sábado (19), das ações referentes ao Dia Mundial da Limpeza. No Litoral Norte, o trabalho ocorreu em Imbé e Tramandaí, e contou com o auxílio da Brigada Militar (BM), por meio da Patrulha Ambiental (Patram). Ao todo, 15 militares da Marinha e outros três da BM, realizaram a limpeza da barra do Rio Tramandaí, da Lagoa do Armazém (em Imbé) e na praia de Tramandaí.

Em quatro horas de trabalho foram recolhidos mais de uma tonelada de lixo. Segundo a Agência da Capitania dos Portos, essa foi a segunda ação que mais coletou lixo, perdendo apenas para a do Litoral catarinense, onde foi retirada mais de cinco toneladas de lixo. Para o capitão-tenente Robson Amaral, esse resultado não deve ser comemorado. “É sinal que não estamos cuidando do descarte inadequado de resíduos”, alerta o oficial da Marinha.

A maioria dos resíduos coletados foi de embalagens plásticas. Também foram encontrados outros objetos como colchões, pneus, pedaços de embarcações, cabos de pesca e bitucas de cigarro.

Foto: Divulgação