Duzentas e 87 pessoas morreram no Rio Grande do Sul em acidentes ou crimes de trânsito em 2017. O levantamento feito pela Rádio Gaúcha junto ao Departamento Estadual de Trânsito (Detran) inclui dados dos meses de janeiro e fevereiro. Não está contabilizado, por exemplo, o último acidente fatal, que ocorreu na madrugada passada (21) na Avenida Icaraí, zona sul de Porto Alegre. Um skatista morreu atropelado por um motorista com suspeita de embriaguez.

Mas esse aumento deve ser ainda maior, já que os números de fevereiro ainda são parciais. São 6,63% a mais de mortes do que no mesmo período de 2016. A maioria ocorreu em colisões entre dois ou mais veículos (31,7%). Sábados e domingos são os dias com maior número de acidentes fatais (42%). A maioria das vítimas é do sexo masculino, entre 35 e 39 anos.

A quantidade de mortes registras em janeiro e fevereiro, no entanto, não é o maior da série histórica, que vai até 2007. No ano de 2010, 344 pessoas morreram em acidentes nos dois primeiros meses do ano.

Mortes no trânsito no RS
2007
286
2008
305
2009
299
2010
344
2011
334
2012
302
2013
295
2014
324
2015
260
2016
268
2017
287

 

 

GAÚCHA