Uma casa geriátrica que realizava serviços clandestinos no Litoral Norte foi fechada na quarta-feira (26). A ação realizada em Balneário Pinhal contou com a participação de agentes da Polícia Civil (PC), Brigada Militar (BM), Ministério Público (MP), Assistência Social e da Vigilância Sanitária.

Segundo a Polícia, a casa, localizada no bairro Sindipolo, estava com quatro idosos, sendo que um estava desaparecido. O imóvel estava em situação precária de higiene, sendo encontradas fezes de animais no local. Foram apreendidos diversos alimentos e remédios, todos com o prazo de validade vencido.

Os responsáveis pela casa foram levados a Delegacia de Polícia (DP) de Pinhal, onde foi registra a ocorrência. Entre eles estava uma técnica em enfermagem, que não teve a identidade revelada. Todos vão responder pelo crime de maus tratos contra idosos. Já os quatros idosos foram levados ao hospital da cidade e, após serem atendidos, foram conduzidos a residência de familiares.

Foto: PC