HD_201708011414530108_drcpdeic_1_phixrA Polícia Civil, através da Delegacia de Repressão aos Crimes Contra o Patrimônio das Concessionárias e os Serviços Delegados (DRCP), do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic), na manhã desta terça-feira (01), prendeu em flagrante o responsável por um estabelecimento comercial pelo crime de receptação qualificada, em Capão da Canoa/RS. A prisão faz parte da Operação Metal, uma ação permanente da DRCP/Deic no combate à receptação de fios, cabos de cobre e baterias estacionárias, que são utilizadas especialmente por empresas de telefonia.

Segundo o delegado Luciano Dias Peringer, os policiais da Especializada, com o apio de técnicos de empresa concessionária de serviço público, diligenciaram em cinco estabelecimentos comerciais. Em uma casa especializada no comércio de baterias no município de Capão da Canoa foram localizadas duas baterias estacionárias de empresas de telefonia. Diante dos fatos, o responsável foi preso em flagrante e conduzido para o órgão policial para as formalidades legais.

O delegado Peringer ressalta que a DRCP irá intensificar o combate aos receptadores desses materiais, visto que os mesmos acarretam imenso prejuízo às empresas vítimas, bem como para toda a sociedade que fica desamparada do serviço. Os demais estabelecimentos comerciais vistoriados não tinham nenhuma irregularidade. Os proprietários elogiaram a ação, que combate o comércio ilegal de baterias e a concorrência desleal.