A Operação Avante da Brigada Militar prendeu 45 pessoas no Litoral Norte nos últimos dois finais de semana com reforço de efetivo de outras regiões do Estado. O Litoral na Rede teve acesso ao balanço do Comando Regional de Policiamento Ostensivo, que aponta mais de 1,8 mil pessoas  abordadas nas ações realizadas nos municípios de Cidreira, Tramandaí, Capão da Canoa, Xangri-lá e Torres.

Em seis dias, os policiais militares realizaram mais de 40 apreensões, inclusive de uma arma.  Quase 1,2 mil veículos foram fiscalizados e 65 autuações de trânsito aplicadas, sendo recolhidos 50 automóveis em situação irregular. Também foram feitos 15 testes de embriaguez com bafômetro. Houve ainda a fiscalização de seis bares e de 20 estabelecimentos comerciais da região.

A Avante Litoral é realizada apenas nos finais de semana e conta com reforço de mais de 140 homens que vêm de outras regiões e ficam no Litoral entre sextas-feiras e domingos.  O aumento do efetivo deve se estender até o final do ano quando tem início a Operação Golfinho 2016/2016. O major Marcelo Vieira da Silva, do CRPO Litoral, explicou que o objetivo é desenvolver ações pró-ativas na atividade de polícia,  com o intuito de reduzir os índices de criminalidade na região.