Paralisação dos caminhoneiros pode prejudicar sistema de coleta de lixo em cidades do Litoral Norte

COLETA-DE-LIXO-EM-ITABUNA-Foto-Pedro-AugustoEm virtude da paralisação dos caminhoneiros, que teve inicio na noite do último domingo (20), a falta de combustível se tornou um fator agravante. Até o momento, nenhuma cidade do Litoral Norte notificou a falta real, porém a corrida aos postos de gasolina é uma medida de precaução entre a população. Com a falta de combustível, serviços como a de coleta de lixo serão um dos primeiros a serem atingidos.

O empresário e responsável da empresa JP3, responsável pela Coleta de Lixo nos município de Imbé e Osório, João Batista, em entrevista rádio Jovem Pan News Litoral, alerta para os transtornos que a possível falta da coleta causará ao moradores. “Nossa empresa coleta lixo no município de imbé

A partir do momento que os postos de combustível não conseguem abastecer, automaticamente esse setor da coleta de lixo é afetado. Hoje no Brasil praticamente tudo é feito pelo transporte de caminhões, é um problema muito grave. Para se ter uma noção, o município de Imbé, por exemplo, produz de 30 a 40 toneladas por dia enquanto a cidade de Osório recolhe em torno de 40 a 45 toneladas por dia. Se esses serviços pararem por alguns dias vai virar o caos”, conta.

De acordo, João Batista, não há uma previsão da paralisação das atividades do recolhimento de lixo. Segundo ele, a empresa JP3 permanece prestando o serviço nas cidades de Osório e Imbé até acabar o fornecimento de combustível. “Por enquanto, estamos fazendo esse transporte da coleta de lixo enquanto há combustível. Porém, fomos notificados hoje, pelo nosso fornecedor de combustível, que está acabando. Não estamos criando caos, apenas falando de uma realidade que está prestes a acontecer”.

A situação é diferente em municípios como o de Santo Antônio da Patrulho que notificou que a partir desta quinta-feira não haverá coleta de lixo nas localidade do interior no município. A medida é consequência da falta de combustível na cidade. Na área urbana, o recolhimento está garantido até a próxima terça-feira, segundo informações da Secretaria de Obras, Trânsito e Segurança de Santo Antônio da Patrulha.

Natália Audi


There is no ads to display, Please add some