Reajuste vale a partir desta quinta-feira (8) devido a novo modelo de cálculo do produto

O preço do botijão de gás de até 13 quilos e de uso residencial aumentará 6,7% a partir desta quinta-feira (8). A novidade faz parte de alterações na política do preço do produto, anunciada nesta quarta-feira pela Petrobras. A partir de agora, o GLP será corrigido a partir do dia 5 de cada mês.

Em comunicado divulgado hoje pela manhã, a empresa justifica que o novo modelo “reconhece como de interesse para a política energética nacional a comercialização de gás liquefeito de petróleo destinado exclusivamente a uso doméstico de até 13 quilos a preços diferenciados e inferiores aos praticados para os demais usos”.

Segundo a Petrobras, o preço final às distribuidoras será formado pela “média mensal das cotações do butano e do propano no mercado europeu convertida em reais pela média diária das cotações de venda do dólar, acrescida de uma margem de 5%”.

O último reajuste do gás de cozinha ocorreu em março. A alta de 9,8% representou uma variação de R$ 1 a R$ 3 no preço final ao consumidor.

GAÚCHA