CTnW0YWW4AAJ3g4Policiais civis da Delegacia de Polícia (DP) de Cidreira, cumpriram, na manhã desta quinta-feira (12), um mandado de prisão cautelar contra um homem. O indivíduo é suspeito de praticar o delito de roubo, seguido de estupro, ocorrido na semana passada, em Cidreira.

Na ocasião do assalto, o veículo da vítima foi subtraído e, depois, abandonado no mar na praia de Magistério. Segundo a delegada Ana Tarouco, o suspeito é apenado do regime semiaberto e gozava do benefício ‘saída especial’. Após procedimentos de praxe o indivíduo foi conduzido ao Sistema Prisional, onde aguardará o final das investigações.

Sobre os casos

No último crime, um casal sofreu um assalto em casa na praia de Cidreira, no Litoral Norte, na madrugada desta sexta-feira (6). Segundo a Brigada Militar, um homem armado chegou ao local, bateu à porta da casa e exigiu que os moradores o deixassem entrar. Quando teve acesso à residência, amarrou os dois e levou a mulher para outro quarto. Após, a estuprou e fugiu com o Ford Ká do casal.

O veículo foi encontrado na manhã de sexta, na Praia de Magistério, abandonado no mar. Outros itens, como televisores e roupas, também foram levados. A mulher não corre risco de vida.

No primeiro, os policiais encontraram um Gol vermelho próximo a guarita 207 de Magistério. Ao verificarem a placa do veículo, encontraram um endereço em Pinhal. Eles foram até o local acharam um casal de idosos amarrado e amordaçado. Um homem, com uma pistola, rendeu eles durante a noite e roubou o carro e outros itens da casa.