60757-08-08-16-PM-CidreiraA polícia prendeu os três últimos envolvidos na morte do policial militar Thales Ferreira Floriano, 31 anos. O soldado foi morto em confronto com criminosos em Cidreira, no Litoral Norte, no começo do mês.

Cinco dos envolvidos já estavam presos. Os outros três, que estavam foragidos, foram detidos pela Brigada Militar durante uma abordagem no final de semana em Porto Alegre. Os policiais da BM constataram que haviam mandados de prisão expedidos contra os criminosos.
Agora, a polícia aguarda laudos da perícia e deverá concluir o inquérito nos próximos dias. O delegado responsável pelas investigações, Alexandre Souza, afirma que os presos serão indicados por homicídio consumado e homicídio tentado contra a guarnição.
No dia 6 de agosto, a Brigada recebeu a informação de que dez criminosos fortemente armados e com toucas ninjas haviam entrado na Vila Chico Mendes. Pelotões de Osório e Tramandaí se juntaram e foram ao local. Ao chegar, foram recebidos a tiros.
Um dos disparos acertou a cabeça do soldado Thales Ferreira Floriano. Ele chegou a ser levado ao Hospital de Cidreira, mas não resistiu aos ferimentos.