Encerra-se nessa sexta-feira (17) o prazo para que candidatos façam a solicitação de isenção da taxa de inscrição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Os pedidos que foram abertos no último dia seis desse mês valem tanto para a prova online quanto presencial.

Para realizar o pedido, os participantes precisam ter a documentação que comprove o direito à gratuidade da taxa de 85 reais. A isenção pode ser solicitada nos participantes que estejam em uma das seguintes situações:

Estudante que está cursando o 3º ano do Ensino Médio, em 2020, em escola da rede pública declarada ao Censo Escolar; e Inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico).

JUSTIFICATIVAS DE AUSÊNCIA

O estudante que foi isento da taxa no Enem 2019, mas faltou aos dois dias de prova e deseja obter a isenção novamente precisa fazer a justificativa de ausência, também pelo sistema do Enem. O prazo para justificativa também se encerra hoje (sexta-feira) e pode ser realizado na Página do Participante, com acesso pelo computador ou celular.

Os documentos aceitos para justificativa de ausência variam de acordo com a causa: acidentes, mortes na família, internação, trabalho, entre outros.

RESULTADO

O resultado dos pedidos de isenção está previsto para ser divulgado em 24 de abril. Os participantes podem verificar a situação do pedido na Página do Participante.

Os isentos não estarão automaticamente inscritos no Enem 2020. Eles terão que se inscrever de 11 a 22 de maio. Para quem ganhar a isenção da taxa, o processo de inscrição será mais simplificado, já que informações escolares e socioeconômicas já terão sido preenchidas na solicitação da gratuidade.

RECURSOS

O Inep receberá recursos de 27 de abril a 1º de maio, exclusivamente pelo site do Enem. O participante saberá se seu pedido foi negado no e-mail cadastrado e pelo celular informado na solicitação.

Será necessário anexar os documentos exigidos para a comprovação do direito à isenção. É importante providenciar toda a documentação da sua categoria de gratuidade para que o recurso possa ser analisado corretamente.

Se a isenção for negada após o recurso, os participantes terão que pagar a taxa de R$ 25 se desejarem se inscrever no Enem 2020.

NÚMEROS

Até o momento o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) não divulgou o balanço parcial do número de solicitações recebidas na véspera das inscrições serem finalizadas. No ano passado, foram recebidas 3.687.527 solicitações.

ENEM 2020

O Enem 2020 terá inscrições de 11 a 22 de maio e a taxa é de R$ 85. As provas do Enem serão aplicadas em 1º e 08 de novembro. Já a versão digital do Exame (Enem Digital), que será aplicada pela primeira vez, ocorrerá antes, no mês de outubro, nos dias 11 e 18.

Ambas as versões terão o mesmo conteúdo. No primeiro dia serão 45 questões de Ciências Humanas, 45 de Linguagens e Códigos e a Redação, com duração de 5h30. O segundo terá 45 perguntas de Matemática e 45 de Ciências da Natureza, durando 5h.

O resultado do Enem 2020 está previsto para janeiro de 2021. Mais informações estão disponíveis no Edital do Enem 2020 no site do Inep: www.enem.inep.gov.br.

FOTO: Divulgação