Foi realizada na quarta-feira (2), a inauguração do Raio-X da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Osório. A solenidade contou com a presença do prefeito Roger Caputi, do vice-prefeito Martim Tressoldi, do secretário de Saúde Danjo Renê, dos vereadores Ed Moraes e João Pereira (ambos do MDB), o diretor administrativo da UPA Milton Porto Alegre, além de demais autoridades e funcionários da UPA.

Com a instalação do Raio X, a prefeitura municipal vai buscar o credenciamento da UPA. Vale ressaltar que, o Executivo local gasta, por mês, em torno de R$ 519 mil no custeio da Unidade. Caso consiga o credenciamento, esse valor seria divido, passando a também ser custeado pelo Estado e o governo federal. Isso vai resultar em uma economia de cerca de R$ 400 mil, valor esse que seria destinado para outras necessidades do município.

É válido lembrar que UPA, além de atender os moradores de Osório, contempla as cidades de Capivari do Sul e Maquiné. A união dos três municípios foi necessária, visto que o padrão dessa Unidade de Pronto Atendimento só seria em cidades com mais de 50 mil habitantes, o que Osório, sozinha, não possui. A parceria foi montada na época do governo Abrahão, quando a UPA acabou sendo inaugurada em fevereiro de 2020.

Dos dois municípios, apenas Maquiné tem realizado o pagamento em dia. No caso de Capivari, o prefeito Roger Caputi já confirmou que vai entrar em contato com o município para ver se ele vai ou não continuar com a parceria. Enquanto isso, os moradores do município vizinho continuam sendo atendidos pela UPA.

FOTO: Lucas Filho