Preso homem que torturou e matou a companheira grávida no litoral gaúcho

A Polícia Civil prendeu na quinta-feira (18), em Rio Grande, no Litoral Sul do Estado, um homem de 27 anos por feminicídio. Ele confessou ter matado a sua companheira, de 28 anos, que estava grávida. O crime ocorreu na quarta-feira (17) e foi motivado por ciúmes. A vítima foi torturada, escalpelada e morta a facadas, de acordo com a Polícia Civil. Os policiais encontraram cabelos da mulher e muitas marcas de sangue na residência onde ocorreu o assassinato. O bebê que ela esperava também não sobreviveu.
Segundo o delegado Roberto Sahagoff, durante a ação policial, dois irmãos do acusado foram presos por tráfico de drogas. Na casa onde estavam os investigados, foram apreendidos um revólver municiado com numeração raspada, 85 gramas de crack, 280 gramas de maconha, três balanças de precisão e um veículo.

There is no ads to display, Please add some