upload-20170206182300defesa_civilPrognóstico climático desenvolvido pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), em parceria com a Universidade Federal de Pelotas (UFPel), aponta a diminuição das chuvas no próximo trimestre. O efeito pode ser o resultado de uma tendência de resfriamento no sudoeste do Atlântico que causa a redução na umidade da atmosfera.

Nos meses de fevereiro e março, a tendência é de chuvas pouco abaixo do padrão. Em abril, são esperadas chuvas dentro do padrão na parte oeste e um pouco acima do padrão no leste do Rio Grande do Sul.

A previsão ainda sugere que o trimestre será de temperaturas dentro do padrão. Em fevereiro e março, as temperaturas ficarão na média, oscilando pouco acima do padrão climático. Em abril, são esperadas temperaturas máximas.

O prognóstico é baseado no comportamento climático observado nos últimos meses no estado. Também possui dados obtidos junto ao Inmet e à Administração Oceânica e Atmosférica Nacional dos Estados Unidos (NOAA, na sigla em inglês).