Sai o frio e entra em cena a chuva. Depois da última onda de temperaturas gélidas, o Estado deve sofrer a partir de quarta-feira com chuvas torrenciais. A MetSul Meteorologia alerta nesta segunda-feira para um período prolongado de grande instabilidade, que trará volumes muito altos para o Rio Grande do Sul, incluindo Porto Alegre. Inundações, deslizamentos e cheias de rios podem ocorrer nos próximos dias.
De acordo com o meteorologista Eugênio Hackbart, a segunda metade de setembro sofrerá com excesso de chuva. Um novo quadro de enchentes na Metade Norte do Estado não está descartado porque as bacias dos rios devem ser atingidas. O período de instabilidade pode se dar ainda com alguns temporais.
Conforme a MetSul, os acumulados no período podem chegar até 200 mm e com extremos locais de 300 a 400 mm. Haverá ainda temporais com raios e provável granizo. A chuva deve durar em torno de 10 dias em vários pontos do Centro para o Norte do Rio Grande do Sul.

Mau-tempo-chuva-vento-forte