celular-aguaA gigante de tecnologia Samsung Electronics anunciou nesta sexta-feira (2), em Seul, na Coreia do Sul, que fará o recall no mundo todo de seu smartphone Galaxy Note 7, após a denúncia feita por vários usuários de que os aparelhos estavam queimando durante a carga de energia.

A empresa sul-coreana também vai interromper provisoriamente as vendas em vários países e oferecerá a quem adquiriu o Note 7 a possibilidade de substituir seu aparelho por outro modelo de forma temporária, explicou Koh Dong-jin, diretor da divisão de telefonia celular da companhia.

Em comunicado, a Samsung afirmou que, até esta quinta (1º), foram relatados no mundo todo 35 casos de problemas no aparelho. “Estamos trabalhando em conjunto com os nossos parceiros para garantir que a experiência de substituição seja a mais conveniente e eficiente possível”, diz a companhia.

O Galaxy Note 7, um smartphone de bordas curvas com lápis óptico e que tem como sua principal novidade a resistência total à água, começou a ser comercializado no mundo todo no dia 19 de agosto.

O aparelho tinha previsão chegar às lojas no Brasil em setembro. Segundo a Samsung, o lançamento será adiado.