1111Na madrugada de segunda-feira, dia 5 de Junho, um taxista foi encontrado morto com dois tiros em uma estrada de chão próximo da RS-030, em Santo Antônio da Patrulha, no Litoral Norte. Conforme a Polícia Civil, Magdiel Santos de Oliveira foi vítima de um latrocínio – roubo seguido de morte.
A Brigada Militar acredita que o taxista fazia uma corrida com três homens no táxi Crossfox quando foi anunciado assalto que culminou com sua morte. Não se sabe se ele reagiu ou se os bandidos atiraram sem motivo. Os criminosos fugiram a pé levando dinheiro.
Durante as buscas, policiais militares receberam a informação de que o trio havia embarcado em um ônibus que havia passado pela RS-030 minutos depois. Os brigadianos abordaram o veículo, e encontraram dois homens e um adolescente suspeitos. Um deles estava com um revólver com duas unidades de munição deflagradas.
Eles foram levados para a Delegacia de Polícia da cidade. O delegado Valdernei Tonete confirmou a detenção, mas disse que precisa ouvir todos os envolvidos para decretar a prisão em flagrante.

Violência e reforço na segurança

Os últimos dias foram violentos em Santo Antônio da Patrulha. Na noite de segunda-feira (29), um jovem de 19 anos e uma criança de 4 anos de idade foram mortos após criminosos efetuarem mais de 100 tiros contra a casa de uma família.

As vítimas assistiam à televisão no sofá da sala de casa, quando três homens armados com submetralhadoras atiraram. Foram atingidos João Pedro da Silva Conceição, de 4 anos e o tio dele, Pedro Ramos da Silva Conceição, que morreu na hora.

Como o jovem morto não tinha passagens pela polícia, a investigaão inicial aponta que ele e o bebê podem ter sido mortos por engano. O irmão de uma das vítimas, no entanto, já teve passagens policiais por tráfico de drogas.

Na madrugada de quarta-feira (31), duas pessoas morreram e quatro ficaram feridas após homens armados abrirem fogo contra outra casa. Os dois mortos eram maiores de idade e já tinham passagens pela polícia, conforme a Brigada Militar.

Em razão dos episódios, a Secretaria de Segurança Pública anunciou reforço no policiamento no município. A expectativa do Comando-Geral da Brigada Militar é intensificar as operações, agindo no combate a homicídios, tráfico de drogas, arrombamentos a residências, roubo e furto de veículos na cidade.

A Polícia Civil vai concentrar seus esforços no Departamento Estadual de Investigações Criminais (Denarc) e Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic).

Segundo a polícia, já foram registrados 10 homicídios neste ano na cidade.