A Prefeitura de Osório instaurou uma sindicância para apurar possível fraude no pagamento do IPTU. De acordo com informações do secretário da Fazenda, Soli Dutra, um funcionário de carreira do município, conseguia, através do sistema, zerar a dívida ativa do contribuinte e recebia um percentual do valor abatido. Ele foi afastado e responde a sindicância. A prefeitura investiga o valor desviado dos cofres públicos, que pode ultrapassar 1 milhão de reais.

Texto: Caroline Tidra / Fonte: PMO